educar-para-a-autonomia-e-a-paz 02 04 sion-no-brasil

A leitura possui um papel fundamental no desenvolvimento infantil – e por isso deve ser incentivada desde cedo. Descubra o que os alunos do 4º ano do Sion Batel estão lendo.

Hoje começamos uma nova série de posts aqui no blog, onde iremos compartilhar os livros que nossos alunos estão lendo em sala de aula. ;-)

 

Pode parecer apenas um passatempo, mas a literatura é também uma ferramenta que nos ajuda a compreender o mundo, nossas formas de viver e de sentir. Nas crianças, a leitura contribui para o desenvolvimento da linguagem, ampliando o vocabulário e despertando a criatividade. Nos livros, a criança descobre novos mundos, que por mais que sejam imaginários, trazem muitos aprendizados.

 

É por isso que a leitura deve se tornar um hábito – mas para chegarmos lá, precisamos introduzi-la aos poucos no dia a dia das crianças, de forma natural, e não como algo imposto. Portanto, observe quais são os assuntos que chamam a atenção do seu filho, convide-o para ler um livro com ou para você, faça perguntas sobre a história e respeite o tempo que ela dedica para essa atividade.

 

Outra dica é criar um ambiente adequado para esse momento em casa. Que tal colocar um puff em um cantinho bem iluminado, próximo a prateleiras com vários livros? ;-)

 

Vale lembrar que, para cada fase do desenvolvimento infantil, existe um tipo de leitura que é mais adequado, levando em conta o nível de amadurecimento psíquico, afetivo e intelectual da criança. Enquanto algumas crianças são pré-leitoras, outras são leitoras iniciantes. Há aquelas que estão em processo e que, num futuro não muito distante, irão se tornar leitoras influentes e leitoras críticas.

 

Em março, os alunos do 4º ano C do Sion Batel leram “A Vida do Elefante Basílio”, obra de Érico Veríssimo. A leitura em sala de aula acontece em conjunto e em voz alta. Dessa forma, as crianças praticam a entonação e vão entendendo como cada pontinho e cada vírgula deve aparecer na fala. Além disso, tivemos discussões a respeito de temas que surgem ao longo do livro, exercitando, com isso, a criatividade.

 

A ideia é que os alunos leiam um livro por mês. Então, em abril, nós leremos “Tempo de Caju’, escrito por Socorro Acioli e ilustrações de Mauricio Negro

 

Falando nisso, os Colégios Sion têm outra iniciativa muito legal: todos os dias, durante 15 minutos, realizamos uma leitura em dupla, entre alunos em diferentes níveis, assim, um vai ajudando o outro a entender a história. Esse projeto se chama “Linha de Leitura” e acontece nas duas sedes.

 

Agora que você já sabe quais livros nossos alunos estão “devorando”, porque não devorar mais deles na sua casa? Essa semana, depois que você chegar do trabalho, convide o seu filho para uma maratona diferente, que não está no Netflix. ;-)